Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

Sporting afasta Oliveirense sem soluções

Sporting afasta Oliveirense sem soluções
O Sporting garantiu a presença na Final Four da Taça CERS com uma vitória categórica em Oliveira de Azeméis por 1-4. A equipa leonina entrava em rinqu...

O Sporting garantiu a presença na Final Four da Taça CERS com uma vitória categórica em Oliveira de Azeméis por 1-4.

A equipa leonina entrava em rinque com um golo de desvantagem mas cedo se mostrou mais perigosa, com os postes da baliza à guarda de Xevi Puigbi a adiarem o primeiro golo até aos 15 minutos. Aí, um minuto depois do "timeout" pedido pelo seu treinador, Ricardo Figueira inaugurou o marcador numa jogada de entendimento com Tiago Losna e a beneficiar de muita passividade da defensiva local.

Os autores dos golos leoninos - Ricardo Figueira, Daniel Oliveira e Tiago Losna - já defenderam todos o emblema da Oliveirense. Gonçalo Alves, que apontou os quatro golos da Oliveirense na eliminatória, cumpriu grande parte da sua formação no Sporting.

Esta não seria uma tarde inspirada da equipa de Oliveira de Azeméis, quer na defesa, quer no ataque. O Sporting tapou bem os caminhos para a baliza de Girão e a Oliveirense insistia na procura de Gonçalo Alves. Dois minutos depois do primeiro golo, Ricardo Figueira - de grande penalidade - bisou e colocou os leões na frente da eliminatória.

Leões festejam o segundo golo, que dava vantagem na eliminatória

A Oliveirense entrou na segunda parte atrás do resultado e, aos cinco minutos, Gonçalo Alves igualava a eliminatória de livre directo, a castigar a décima falta contrária. Poderia ter sido o inicio da reviravolta, mas o Sporting manteve o seu bloco coeso. E a Oliveirense - sem ideias - não voltaria a marcar.

Já com algum cansaço a notar-se num cinco que teve pouco descanso, Nuno Lopes lançou Daniel Oliveira. E em boa hora. A catorze minutos do final, "Poka" marcava e colocava o Sporting de novo na frente da eliminatória.

Gonçalo Alves esteve desacompanhado no ataque da Oliveirense

Os verde-e-brancos deixaram a Oliveirense ter a iniciativa, jogando com o relógio. A equipa da casa foi pouco agressiva a defender - mesmo tendo faltas para fazer antes de se aproximar da décima - e a atacar, mantendo-se por largos minutos, e perdurando até ao apito final, a 14ª falta do Sporting no marcador.

E quando o placard marcada 1'04 na contagem do tempo para o final, Tiago Losna colocou o 1-4 também nos golos, matando o jogo e a eliminatória.

O Sporting conta uma Taça CERS no seu historial, conquistada em 1984 numa final com o Voltregà.

No final da partida, Tó Silva reconheceu um jogo atípico da sua equipa de deu mérito à estratégia que o Sporting montou para esta partida, destacando a importância do primeiro golo ter caído para a equipa visitante. Nuno Lopes confessou que esperava um adversário mais acutilante, em particular na primeira parte, e enalteceu o seu grupo.

Organização

Garantido o apuramento para a Final Four, foi levantada a hipótese de ser o Sporting a organizar a fase decisiva da CERS, em particular depois de nesta partida dos quartos, os adeptos leoninos terem marcado presença em peso. No entanto, e deixando bem patente o interesse na mesma, Nuno Lopes e Gilberto Borges recordaram que no mesmo fim-de-semana se joga a Final Four da UEFA Futsal Cup, precisamente com organização dos leões, na Meo Arena. Gilberto Borges confessou ter pensado numa organização conjunta mas tal ter-lhe-á sido negado pela UEFA. Ainda assim, as candidaturas têm até 1 de Abril para serem apresentadas e os leões irão procurar uma alternativa viável.

Igualada no caminho

Os leões terão pela frente na Final Four, os catalães do Igualada. A equipa treinada por Cesc Monclús levava uma vantagem de dois golos a Itália e, pese a derrota, com um golo solitário de Franco Polverini, segurou o apuramento, repetindo a presença da época passada.

Jogos relacionados

UD Oliveirense 1 : 4 21 Mar 17h00 Sporting CP


Veja esta e outras noticias em: HoqueiPT

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...