Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

A afirmação dos 'outros' galegos

A afirmação dos 'outros' galegos
A Taça do Rei premeia a primeira metade da OK Liga e o Cerceda, depois de vencer o Torneio de Valença, teve um início de campeonato excepcional que o ...

A Taça do Rei premeia a primeira metade da OK Liga e o Cerceda, depois de vencer o Torneio de Valença, teve um início de campeonato excepcional que o catapultou para os oito primeiros lugares, tendo andado várias jornadas no grupo da frente.

"É um prémio para toda a equipa pela primeira volta da Liga e vamos tentar competir e aproveitar ao máximo", refere Juan Copa, treinador da equipa galega.

O Cerceda subiu apenas em 2013 à OK Liga e Copa não deixa de referir esse facto. "Estamos há duas temporadas na OK Liga e classificarmo-nos nos dois anos para a Taça do Rei é muito importante", vinca.

O Cerceda joga esta época com um peculiar patrocínio de um site dedicado ao hóquei em patins. O HockeyGlobal é a maior videoteca online de hóquei em patins do Mundo e o patrocínio estende-se da camisola ao 'naming' da equipa.

Garantida a presença nesta festa que reúne os oito melhores da primeira volta, o sorteio ditou o confronto com o fortíssimo Liceo. "Sabemos que vamos defrontar uma das melhores equipas do Mundo, mas tentaremos preparar e estar bem no jogo para poder ganhar. Sem dúvida que teremos de fazer um grande jogo para passar mas, numa eliminatória, tudo pode acontecer", avisa Juan Copa.

Willy para parar uma máquina de golos

O Liceo tem o melhor ataque da OK Liga, com quase seis golos marcados por jogo. Pela frente nos quartos-de-final da Taça do Rei, o segundo classificado terá o guarda-redes Willy Dominguez. "Penso que a chave para esse jogo é a defesa, já que eles são muito ofensivos. Se conseguirmos que não haja muitos golos, teremos mais hipóteses", explica, relegando a pressão para o lado dos "verdes". "É um derby e a pressão está do lado deles", afirma.

Willy Dominguez. O guardião do Cerceda representou a Juventude de Viana na temporada 2010/11

A participação na Taça do Rei é, só por si, um reconhecimento. Mas Willy quer mais. "É um prémio, já que o principal objectivo do clube é a permanência. Sabemos que o Liceo é um dos candidatos a vencer, mas temos as nossas hipóteses e vamos tentar aproveitá-las", diz, não enjeitando uma surpresa.

O (ainda) craque Payero

Tem 37 anos mas ainda mexe. E marca golos. O melhor marcador do Cerceda na OK Liga é o argentino Martin Payero que defronta nos quartos-de-final da Taça do Rei um Liceo que representou ao longo de quatro épocas e meia depois de ter brilhado em Barcelos.

"Não temos nada a perder e tudo a ganhar. Vamos dar o nosso melhor e tentar uma surpresa, já que - como todos sabem - o Liceo é claramente favorito", reconhece.

Martin Payero. Aos 37 anos continua a marcar muitos golos

O avançado que pode estar presente no Mundial em Junho pela selecção angolana, admite que a presença na prova não era um dos primeiros objectivos da equipa, apostada na manutenção. "Estamos numa prova que, a priori, não era o nosso principal objectivo. Mas com a campanha que temos feito, conquistámos um lugar e temos de desfrutar e aproveitar ao máximo", afirma. "Creio que será um bom jogo de hóquei, onde qualquer coisa pode acontecer", reforça.

O hóquei galego

Nesta Taça do Rei estarão duas equipas galegas, sendo - por sortilégio do sorteio que as pôs em confronto - certo de que uma (e apenas uma) marcará presença nas meias-finais.

Quando se fala que o hóquei em Espanha se resume à Catalunha, ignora-se o bom trabalho que é feito noutras regiões. "Estarem presentes duas equipas galegas é muito bom. Esperemos que sirva para o nosso hóquei continue a crescer, tanto a nível nacional como nas categorias inferiores", refere Juan Copa, numa ideia reforçada por Willy Domínguez.

"O hóquei galego está num bom momento. Estão duas equipas na OK Liga, uma a lutar para ganhar e outra na zona 'nobre' da classificação. E ainda há outra na Primera División", recorda, referindo-se ao Dominicos, clube vincadamente formativo. "Tem de se continuar a trabalhar da mesma maneira, sobretudo com os jovens que chegam a estas equipas", recomenda o guardião.

Como chega o Cerceda à Taça do Rei

Posição na OK Liga: 5º.

Performance na OK Liga: 9 vitórias, 7 empates e 6 derrotas, com 82 golos marcados e 89 sofridos.

Contra o HC Liceo: Derrota 2-5 em casa (21 Dez).

Último jogo: Empate a cinco em Vendrell.

Momento: Um empate.

Melhor marcador: Martin Payero.

Taça do Rei: Ainda procura a sua primeira final.

Taça do Rei 2014: Caiu frente ao Vic num jogo com um tento solitário.

Jogos relacionados

HC Liceo 0 : 0 26 Fev 18h30 CP Cerceda


Veja esta e outras noticias em: HoqueiPT

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...