Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

Oliveirense elimina FC Porto na Taça de Portugal

Oliveirense elimina FC Porto na Taça de Portugal
O finalista da edição do ano passado da Taça de [...]

O finalista da edição do ano passado da Taça de Portugal, Futebol Clube do Porto, foi eliminado da Taça de Portugal de Hóquei em Patins, pela União Desportiva Oliveirense (7-6).

Em jogo a contar para os 1/16 de final da competição – a primeira eliminatória em que entravam equipas da 1ª Divisão – a UD Oliveirense recebeu e bateu o FC Porto, por 7-6, num verdadeiro “Hino” ao Hóquei em patins!

Na 1ª parte, houve muita luta e emoção, mas apenas dois golos: Caio abriu o ativo bem cedo, e depois André Azevedo respondeu, empatando a partida, e determinando o resultado (1-1) com que se chegou ao intervalo.

Na 2ª parte, o jogo foi totalmente diferente, no que à eficácia diz respeito: Edo Bosch e Xavi Puibgi fizeram grandes defesas, mas os avançados também estavam inspirados, pelo que quase todos os golos foram de belo efeito: Gonçalo Alves fez o 2-1 e “deu” o 3-1 ao treinador / jogador Tó Silva; Reinaldo Ventura reduziu para 3-2, ao insistir com duas recargas, depois de ter falhado um livre direto; Seguiu-se o 4-2, com Gonçalo Alves a “oferecer” o golo a Albert Casanovas;

Pouco depois de Caio fazer o 4-3, num remate forte e cruzado, de meia-distância, a Oliveirense marcou o 5-3, na consequência de uma excelente jogada de entendimento entre André Azevedo e Tó Silva;

Ainda estávamos a meio da 2ª parte, quando Vitor Hugo fez o 5-4; Nélson Pereira respondeu pouco depois, com um remate forte e cruzado ao 1º poste, que resultou no 6-4.

Nos últimos 9min da partida, começou o “show” das bolas paradas. Neste capítulo, o FC Porto esteve melhor do que a UD Oliveirense, já que Reinaldo Ventura marcou um penalty (6-5) e um livre direto (7-6), enquanto Alberto Casanovas marcou um penalty (7-5). Num jogo com muitas faltas de equipa, Edo Bosch negou a Albert Casanovas e a Gonçalo Alves a hipótese de alargar a vantagem da equipa da casa, defendendo dois livres diretos, que castigavam a 15ª e a 20ª falta portista, respetivamente.

Num jogo excelente, com incerteza no resultado até ao apito final, a UD Oliveirense acabou por eliminar o FC Porto, seguindo em frente na Taça de Portugal de Hóquei em Patins.

 

(Foto: Alfredo Pinho)

 



Fonte: Modalidades

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...