Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

Caio «eles é que têm de se adaptar»

Caio «eles é que têm de se adaptar»
O FC Porto está «prevenido» para a qualidade do Valdagno e com «motivação» de sobra para o vencer e disputar no domingo a final da Liga Europeia de Hóquei em Patins.


Texto: oJogo

O FC Porto está "prevenido" para a qualidade do Valdagno e com "motivação" de sobra para o vencer e disputar no domingo a final da Liga Europeia de hóquei em patins, no Dragão, frente a Barcelona ou Benfica. "Nós mudámos quatro jogadores e eles também estão diferentes. Têm dois reforços que bem conhecemos, o Pedro Gil e o Sérgio Silva. Baseiam-se muito na experiencia dos atletas, com idade avançada. O ano passado pensávamos que eram acessíveis e provocaram-nos dois dissabores. Agora, isso joga a nosso favor, pois sabemos o real valor deles", disse Caio.

Na antevisão da final a quatro que se disputa no fim de semana no Dragão Caixa, no Porto, o hoquista "azul e branco" revelou "confiança" de que os campeões nacionais vão impor o seu potencial: "Estamos precavidos. Sabemos o estilo de hóquei deles, que não nos deixa muito à vontade, mas vamos tentar fazer o nosso jogo e eles é que têm de se adaptar".
Caio garante que a equipa está "preparada a todos os níveis" e acredita que, em casa, o FC Porto vai conseguir o desejado título que tem estado perto de alcançar nos últimos anos, considerando que a galvanização dos adeptos pode ser decisiva para conquistar novamente o cetro.

Jorge Silva também avisa que o Valdagno é "equipa muito complicada, experiente, com jogadores que podem fazer a diferença a qualquer momento", mas entende que os "dragões" devem focar-se essencialmente na sua qualidade, suficiente para vencer. O hoquista diz que o grupo aprendeu com os erros que o ano passado custaram o afastamento da fase final, com dois desaires frente ao Valdagno, e confia que o FC Porto vai estar "igual ou mais forte" do que nos últimos tempos, em que reconquistou o título nacional.

Em Itália, a comunicação social classifica o Valdagno de "outsider", mas Jorge Silva não se deixa embalar pelo epíteto: "É muito fácil atirar a pressão para os outros, mas estamos habituados e jogaremos naturalmente. Não temos problemas em assumir que somos candidatos e estamos cá para vencer".

Reencontrar o ex-portista Pedro Gil, "um fora de série, um dos melhores do mundo", não preocupa Jorge Silva, que recorda que ao Valdagno sobram jogadores de elevada qualidade, pelo que a equipa "vale pelo todo". "Temos a certeza de que o pavilhão vai estar cheio. Os bilhetes esgotaram em poucas horas. Espero um ambiente ainda mais forte do que com o Benfica", concluiu.

Fonte: Best Hóquei

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...