Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

Rui Neto abandona comando de Portugal

Rui Neto abandona comando de Portugal
Em defesa dos interesses da Seleção Nacional.

Texto: Besthoquei

Através da rede social Facebook, o até agora selecionador nacional sénior masculino português Rui Neto, anunciou a sua saída do comando dos “Ursos”.
 
Depois de três anos ligados à FPP, Rui Neto colocou assim um ponto final neste capítulo da sua carreira, de seguida fica o texto em que comunicou a saída.
 
“Em defesa dos interesses da Seleção Nacional.
É o fim de um ciclo de três anos à frente da seleção nacional sénior de hóquei em patins da qual foi para mim um grande orgulho representar.
Após o término do europeu realizado em paredes foi de domínio publico, em declarações minhas, que os interesses da seleção estariam sempre acima dos interesses pessoais e como tal o meu cargo de selecionador nacional estaria à disposição a direção da federação. O silencio que até à presente data se manteve relativamente à minha destituição ou continuidade à frente da seleção nacional, permitiu que diversos rumores circulassem no seio da modalidade, o qual fragilizaria (caso houvesse essa continuidade) a minha posição no referido cargo. Entendo portanto que chegou a altura de terminar este ciclo visto não estarem reunidas as condições de confiança no trabalho desenvolvido.
Fica apenas a mágoa de não ter conquistado os títulos tão desejados mas com a consciência de que o trabalho desenvolvido terá alicerces para grandes êxitos no futuro da nossa seleção.
Grato a toda a direção da federação, presidida pelo Dr. Fernando Claro, ao diretor técnico nacional Jorge Lopes e todos os restantes elementos na qual tive o prazer de privar durante este período.
Aos enormes jogadores que durante este período trabalharam comigo na seleção e na qual posso afirmar que sempre estiveram comigo de corpo e alma na luta pela conquista de títulos, o meu obrigado e enorme admiração por todos eles, personificada naquela que foi uma grande figura da seleção durante uma década, o Grande Capitão Reinaldo Ventura. Todas as minhas escolhas foram feitas em consciência e sempre em defesa dos superiores interesses da nossa seleção, sem pressões nem lobbies.
A quem me segue os meus sinceros votos de êxito e conquista de títulos para a seleção de todos nós.
Força Seleção e Viva Portugal.
Rui Neto.”

Comentários

  • Gaspar Garção [Não autenticado | IP: 85.243.xxx.xxx]: Depois da vergonha que foi aquele final de jogo com a Espanha, que deve ter feito perder milhares de adeptos para a modalidade (incluindo eu), ainda professa orgulho nos jogadores...
    Não há mentalidade ganhadora, não há maturidade, não há capacidade de assumir os erros, tapam-se as peneiras com os títulos do passado e com o futuro que há de vir...

Notícias lidas no momento

A carregar...