Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

Seixas ruma a Caminha?

Seixas ruma a Caminha?
Ainda nada está totalmente esclarecido, mas na próxima temporada, o Seixas Hóquei Clube deverá rumar a Caminha. Saiba um pouco mais sobre este modesto clube do Alto Minho...

(foto: HC Mealhada)

O Seixas Hóquei Clube regressou, esta temporada, ao Campeonato Nacional da Segunda Divisão, tendo assegurado, pelo menos, o 13º lugar final. A manutenção, que era o objectivo principal do clube minhoto, foi atingido.
Esta tarde, o Seixas Hóquei Clube despede-se da prova, com a recepção à Associação Desportiva Sanjoanense (18:00h).


O futuro plantel...
Na próxima temporada, o clube vai ter algumas novidades. O dirigente máximo do clube, Sr. Nora, disse ao "Mundo do Hóquei" que não esperava facilidades: "na realidade do hóquei em patins actual, com estas taxas e esta Federação, às vezes penso que mais vale acabar com o hóquei em patins e mudar para o futsal", começa por dizer, demonstrando a sua insatisfação.
"Para fazermos regressar os ex-júniores formados no nosso clube, e que foram jogar noutros clubes por motivos de estudos ou trabalho, não teríamos dinheiro para os inscrever", informa. A equipa actual deve-se manter quase na totalidade, apesar do cansaço dos jogadores mais experientes. O treinador continuará a ser Hugo César.
A continuidade da equipa na prova não está totalmente garantida, mas "neste momento, acho que temos uns 80% de possibilidade de participar", diz Nora.
O orçamento do clube é bastante reduzido: ronda os 12.000€ aos 15.000€ anuais, e a amior parte desse "bolo" vai parar aos cofres da Federação de Patinagem de Portugal, com "as taxas exorbitantes da organização dos jogos e da inscrição dos jogadores, as multas, etc...", revela, antes de desabafar: "mas a culpa disto é dos clubes, que têm a Federação que querem. As regras para a transferência de jovens jogadores é um atentado ao futuro da modalidade".


O futuro recinto...
O Seixas Hóquei Clube deverá passar a jogar, na próxima temporada, no Pavilhão Municipal de Caminha, recinto desportivo com capacidade para 2000 lugares sentados e com capacidade para acolher grandes eventos internacionais.
Aquele recinto terá de ser adaptado ao hóquei em patins, pelo que as obras deverão começar tão brevemente quanto possivel. Já há garantias da Câmara Municipal de Caminha para a disponibilização do pavilhão.
"Em Caminha, para além de termos condições que não temos na nossa Vila, poderemos ter um maior recrutamento de novos jogadores", assevera Nora, ao mesmo tempo que informa que "o Seixas Hóquei Clube promove, em conjunto com a Câmara, escolinhas de patinagem em três freguesias do Concelho."
A falta de certezas quanto ao fim das obras não preocupa o dirigente, que diz que, para além do rinque do clube, poderá jogar em outras localidades próximas.

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...