Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

Liga Europeia coloca Barreiros no topo do mundo

Liga Europeia coloca Barreiros no topo do mundo
Ricardo Barreiros foi um dos trunfos do Liceo da Corunha nesta temporada: a conquista da Liga Europeia é o feito mais significativo da carreira, entre...

Ricardo Barreiros foi um dos trunfos do Liceo da Corunha nesta temporada: a conquista da Liga Europeia é o feito mais significativo da carreira, entre a elite de nível mundial, e o segundo lugar no campeonato espanhol, depois da liderança até 
à última jornada, incomodou, mas não apaga o potencial ostentado desde o início de 2010/2011.
 
«A Liga Europeia é uma conquista que qualquer jogador ambiciona, ao nível do Campeonato do Mundo e da Europa. Estiveram presentes oito equipas e cinco delas estão entre as melhores do mundo. Chegámos muito bem a Andorra e o nosso trunfo foi o valor colectivo, porque não há nenhum jogador que consiga sozinho dar a volta quando a equipa está a perder por 3-0. Não foi fácil: defrontámos o Noia, estivemos a ganhar por 3-0, mas o FC Porto empatou e sofremos muito. Foi preciso muita força e também alguma sorte», afirma Ricardo Barreiros, em declarações ao site da Federação de Patinagem de Portugal.
 
O internacional português admite que poucos esperavam este sucesso da formação galega: «Terminámos a OK Liga em segundo lugar, porque chegámos ao último jogo com cansaço acumulado, mas ninguém estava à espera de uma época como esta, com muitas mudanças de jogadores, inclusive de guarda-redes. Disputámos a Supertaça Europeia, perdemos a Taça do Rei com o vencedor desta competição e discutimos o campeonato espanhol até ao fim».
 
Ricardo Barreiros defende que Pedro Afonso e Tiago Sousa foram jogadores importantes na estrutura do Liceo: «Pedro Afonso foi um dos principais responsáveis por termos ganho a Final a 8. Teve algum azar ao longo do ano, mas somos amigos e reconheço que mereceu esta vitória. O Tiago Sousa é um profissional incansável, com um nível de trabalho intenso, que cumpriu sempre quando foi chamado para a baliza»
 
 

Nova temporada na mira 

 
O avançado português já está a pensar na nova temporada, mostrando-se, naturalmente, muito ambicioso: «Estou muito satisfeito por representar o Liceo, a nível desportivo e pessoal. Tenho mais um ano de contrato, há a possibilidade de renovar, mas, agora, não quero falar sobre isso. Em relação às conquistas, estou no auge, sinto-me um jogador mais capaz, mais experiente e, numa época que vai ter várias mudanças, o Liceo precisa de estar em condições de lutar pelas vitórias nos momentos decisivos. O nosso jogo é ofensivo, com força colectiva e individual, porque temos um técnico que soube aproveitar as novas regras, reforçou as nossas qualidades e disfarçou as nossas debilidades»
 
 

Mundial de San Juan desejado

A luta pelo título de Campeonato do Mundo integra, naturalmente, os objectivos de Ricardo Barreiros: «Temos que aproveitar o bom momento do hóquei português. FC Porto e Candelária apresentaram uma excelente imagem e pensei numa final cem por cento portuguesa. Estiveram ao mesmo nível de Reus e Liceo. O Benfica venceu a Taça CERS, depois de vencer a «Final Four» com a presença de três equipas nacionais. Conquistámos o Torneio de Montreux e, acima de tudo, apresentámos muita qualidade, com hoquistas que não estiveram no Campeonato da Europa. Temos jogadores para três ou quatro equipas de bom nível. Por isso, podemos sonhar com a conquista do Campeonato do Mundo»


(Fonte: FPP )

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...