Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

António Moreira não se recandidata

António Moreira não se recandidata
Em entrevista ao site oficial do Hóquei Académico de Cambra, o presidente da direcção, António Moreira, revelou que não pretende recandidatar-se

(foto: HAC)

Ao fim de quatro anos, António Moreira anuncia que não pretende recandidatar-se à presidência da direcção do Hóquei Académico de Cambra, alegando a falta de disponibilidade, por motivos profissionais: "A minha vida profissional, com viagens quase que contínuas a isso me obrigaram e falam mais alto, como é compreensível. Não estou tão em cima dos acontecimentos quanto aquilo que eu gostaria pois essa é a minha forma de estar".

Em entrevista ao site oficial do clube, revela a sua alegria pelo trabalho realizado na formação.
O crescimento ao nível quantitativo e qualitativo da formação no clube de Vale de Cambra é o seu maior motivo de orgulho, diz, quando questionado sobre um balanço destes quatro anos de presidência: "Atingimos um patamar invejável, quer ao nível Distrital, quer a nível Nacional. Teremos que continuar a apostar nos jovens".
Ficou por realizar o sonho de dar ao clube instalções próprias. A utilização do Pavilhão Municipal de Vale de Cambra condiciona muito o trabalho e a evolução do clube, uma vez que o hóquei em patins divide aquele espaço com outras modalidades e outras colectividades do concelho de Vale de Cambra.

Quase no final de mais uma temporada, o momento é de tristeza por um lado e de alegria por outro: "Agora que está a terminar a época 2010/11 e apesar de todos esses esforços, estamos tristes e decepcionados com os resultados do plantel sénior, mas por outro lado temos os nossos jovens, que têm aparecido em força, para praticar a modalidade e que nos deixam bastante tranquilos e confiantes quanto futuro do Hóquei Académico de Cambra. Neste momento o Hóquei Académico de Cambra está em condições seguras para seguir o seu caminho", afirma, ao mesmo tempo que assegura que "Apesar de todas as dificuldades com que nos deparamos no dia-a-dia, na gestão do clube, temos tudo em dia, não devendo nada a ninguém e, quando terminarmos o nosso mandato, o novo grupo de trabalho que nos irá suceder, pode ficar descansado, que não vai ter que pagar nada referente aos nossos mandatos anteriores. Podem também desde já contar com o nosso apoio e experiência adquirida. Tudo faremos para os acompanhar e apoiar".

Pediu ainda a todos os sócios do clube e adeptos de hóquei em patins que participassem na Assembleia-Geral do próximo mês de Junho, para que das eleições surja um grupo de trabalho competetente, que possa gerir os destinos do clube, fundado há 12 anos. 

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...