Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

Alentejo com vontade

Alentejo com vontade
O seleccionador regional alentejano, Manuel Castilho, deu a conhecer ao Mundo do Hóquei um pouco mais sobre a selecção regional da Associação de Patinagem do Alentejo…

O Prof. Manuel Castilho, natural de Beja, mantém-se uma vez mais à frente do comando técnico da selecção regional da Associação de Patinagem do Alentejo.
Saiba mais sobre esta equipa e sobre a realidade do hóquei em patins alentejano…
 
 
Mundo do Hóquei (MdH): Como seleccionador regional, que dificuldades encontrou ao longo da temporada para preparar a sua equipa?
Manuel Castilho (MC): As dificuldades inerentes aos calendários competitivos e à distancia entre os dois únicos clubes que fornecem jogadores para a selecção: Clube de Patinagem de Beja e Clube Futebol Estremoz.
No entanto, tentamos colmatar com a participação em mais torneios e jogos de treino com outras equipas.
No entanto a maior dificuldade é o reduzido número de atletas existentes no escalão de iniciados (cerca de 20) e que pertencem só a duas equipas, CP Beja e CF Estremoz, o que é um número de praticantes muito reduzido em comparação com a grande maioria de associações do pais.
 

MdH: Tendo em conta o valor dos seus jogadores, qual o seu objectivo, e o da sua Associação, para este Inter-Regiões?
MC: O objectivo será sempre o de tentar dar mais experiencia a estes jogadores e tentar representar condignamente a nossa associação dentro das nossas limitações.
Não ficar na fase dos últimos seria muito bom. No entanto, se isso não for possível, o objectivo seguinte será ganhar todos os jogos dessa fase e alcançar pelo menos a mesma classificação do ano anterior, ou seja, o nono posto.
 

MdH: Para si, a escolha do local da disputa da prova foi o mais acertado? O que pode ganhar a modalidade com um Inter-Regiões naquela região do país?
MC: Sim, penso que sim. Está longe dos grandes centros do hóquei em patins nacional e é sempre bom levar este tipo de torneios a outras regiões. Para além disso é uma região bastante bonita e se calhar desconhecida de muitos dos familiares que acompanharão os atletas de todas as selecções.
Também é um prémio para o clube que nos últimos anos tem feito um trabalho meritório nas camadas jovens do nosso hóquei em patins e que com certeza vai organizar um grande torneio.
 

MdH: Qual foi o “feedback” que recebeu, ao longo da temporada, sobre o desenrolar do campeonato regional da sua Associação e a prestação das equipas da sua região no Campeonato Nacional?
MC: As nossas equipas participam no campeonato regional de Setúbal em virtude de só termos duas equipas. No entanto, quer o CP Beja, quer o CF Estremoz conseguiram com grande mérito a classificação para o Nacional de iniciados e estão a ter bons desempenhos na prova. Esta participação das duas equipas é muito boa para a selecção e por isso como treinador estou bastante satisfeito com essa prestação.

 
 

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...