Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

Clássico do Hóquei em Patins Nacional

Dragões procuram liderança

Dragões procuram liderança
Franklim Pais e André Azevedo fazem uma antevisão do jogo do próximo Sábado, entre FC Porto e SL Benfica

(texto: FC Porto)

Em caso de vitória nas dez restantes jornadas do campeonato nacional, o Futebol Clube do Porto garante o inédito decacampeonato. É essa a aposta da equipa azul e branca, que inicia este ciclo já no sábado (17:45h), com a recepção ao Benfica.
Na superflash de antevisão, Franklim e André Azevedo manifestaram confiança em repetir a vitória da primeira volta (7-5).

Os Dragões estão no segundo lugar do campeonato, a três pontos do Benfica, e já vão na quinta vitória consecutiva na prova.


Franklim Pais: «Só dependemos de nós»
«O objectivo é sempre vencer. Faltam 10 jogos, só dependemos de nós. Temos de conseguir 10 vitórias e assim seremos campeões nacionais. Este é um clássico e não há vencedores antecipados. Vamos tentar vencer e chegar ao primeiro lugar, mas depois o título não está garantido. É um jogo fundamental e contamos com o apoio do nosso público.»

«Penso que vai ser um jogo equilibrado, frente a um adversário directo. Quero lembrar que, em relação à época anterior, temos apenas menos três pontos, as outras equipas é que estão mais regulares. No ano passado, comemorámos o título
à 21.ª jornada, este ano temos um confronto directo para essa luta. Depois, faltam nove finais.»




«São sempre jogos especiais, com equipas bastante motivadas. O resultado é imprevisível e, para vencer, teremos de estar concentrados e rigorosos. No arranque do campeonato, previa quatro equipas a jogar para o título. O Candelária está mais longe, mas temos de ser regulares. Tem havido alguma dualidade de critérios na arbitragem. O que se pretende no sábado é uma arbitragem isenta e que apite de igual forma para os dois lados.»


André Azevedo: «Queremos dar uma prova da nossa força»
«Em termos anímicos, ganhar ao rival é muito bom. Já ganhámos na Luz e queremos regressar ao nosso posto: ao fim e ao cabo nós é que somos eneacampeões e o nosso lugar costuma ser o primeiro. Queremos voltar a essa posição, visto que é aquela em que nos sentimos confortáveis, e dar uma prova da nossa força. Estamos convencidos de que vamos ter casa cheia e queremos brindar o público com um bom jogo e uma vitória.»

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...