Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

Liguilha - Arbitragem só permite Riba d'Ave empatar em Sintra !!!

Liguilha - Arbitragem só permite Riba d'Ave empatar em Sintra !!!
Com uma enorme entrega e uma enorme capacidade de sacrifico, o Riba d'Ave juntamente com os seus adeptos alcançou uma igualdade a três bolas no jogo d...


Com uma enorme entrega e uma enorme capacidade de sacrifico, o Riba d'Ave juntamente com os seus adeptos alcançou uma igualdade a três bolas no jogo da primeira mão da liguilha de promoção à primeira divisão.Tudo devido a uma arbitragem muito contestada pelos minhotos de João Duarte e Paulo Baião de Lisboa, especialmente na dualidade de critério na forma de assinalar as faltas e na amostragem de cartões.Recorde-se que um dos juízes do encontro, Paulo Baião ficou conhecido por ter permitido que num jogo da Taça de Portugal o Vasco da Gama marca-se um livre direto com dois guarda redes da mesma equipa dentro da pista.No pavilhão de Sintra perante uma boa moldura humana, a equipa do Minho desde cedo sentiu enormes dificuldades a todos os níveis.O Riba d'Ave procurou impor o seu estilo de jogo mas não só o HC Sintra atrapalhou.Por exemplo o primeiro golo do Sintra surgiu de livre direto após ter sido mostrado cartão vermelho a Vítor Pereira direto do Riba d'Ave.Antes já os jogadores do Riba d'Ave tinham sido advertidos com cartão azul, casos de Tiago Pimenta e Raul Meca.O intervalo chegou com o Sintra a vencer por 1-0, elevando assim o interesse para a etapa seguinte.Logo no inicio da segunda parte a equipa da casa elevou para 2-0 por Diogo Carrilo, mas a turma minhota respondeu reduzindo para 2-1 através de Vítor Hugo de livre diretoSegundos depois o Sintra voltou a marcar fazendo o 3-1 Sem nunca desistir o Riba d'Ave contra tudo e contra todos conseguiu atingir o mais que merecido empate a três bolas, com golos de Raul Meca e Nuno Micolli.Na altura dos festejos o guarda redes do Riba d'Ave foi advertido com um cartão azul de forma inexplicável...Ao que foi possível apurado a dupla de arbitragem ficou com o cartão do guarda redes do Riba d'Ave, João Ferreira por este alegadamente ter molhado a ficha de jogo no final do encontro. Tudo fica então para decidir no jogo da segunda mão no parque das Tílias em Riba d'Ave.


Fonte: Hóquei Minhoto

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...