Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

Hélder dita regras no Clássico com novo hat-trick

Hélder dita regras no Clássico com novo hat-trick
O Porto venceu o Clássico com o Sporting por 2-4 e reduziu, à condição, para cinco pontos a diferença para o líder Benfica. No pavilhão do Sporting Cl...

O Porto venceu o Clássico com o Sporting por 2-4 e reduziu, à condição, para cinco pontos a diferença para o líder Benfica.

No pavilhão do Sporting Clube de Torres, em Torres Vedras, o Sporting recebeu o Porto e não podia desejar melhor início de partida no ataque ao quarto lugar. Ainda não estava cumprido meio minuto quando João Pinto, no primeiro remate do jogo, inaugurou o marcador.

Mas a resposta do FC Porto não tardou. Proibido de perder pontos para não deixar fugir o Benfica e para não ser alcançado pela Oliveirense, os azuis-e-brancos quiseram dar uma resposta à eliminação na Liga Europeia – precisamente às mãos da Oliveirense, e aos cinco minutos já tinham dado a volta ao resultado. Gonçalo Alves, de grande penalidade, e Hélder Nunes, num lance caricato em que a bola sobe e trai o guarda-redes e o capitão leoninos, bateram o colega da selecção Ângelo Girão.

Mas a vantagem do Porto também pouco tempo perduraria no marcador. Três minutos após o primeiro de Hélder Nunes, Ricardo Figueira “vingou-se” do contestado golo do portista e fez o 2-2.

O equilíbrio marcava a partida e até ao intervalo não houve mais golos. Nem de grande penalidade, com os guarda-redes Nelson Filipe e Ângelo Girão a negarem o golo aos especialistas Luís Viana e Gonçalo Alves.

Na segunda parte, a eficácia nas bolas paradas ditou o desfecho do jogo. Hélder Nunes não falhou nas duas ocasiões em que foi chamado à marca de livre directo – com muita infelicidade para Girão na segunda ocasião, sublinhe-se – e Ricardo Figueira e Daniel Oliveira (“Poka”) não conseguiram do outro lado bater “Lipe”, primeiro de grande penalidade e, já no último minuto, de livre directo.

Com esta vitória, o Porto passa a somar 48 pontos, menos cinco que o Benfica. Os encarnados só fecham esta jornada 20 no dia 30 de Abril, numa deslocação ao Pico. O Sporting falhou pela segunda jornada consecutiva a subida ao quarto lugar. Os leões terminam a ronda no sexto lugar, com menos um ponto do que Óquei de Barcelos e Valongo.

Hélder de três em três

Hélder Nunes somou em Torres Vedras mais três golos para a sua conta pessoal no campeonato, perfazendo um total de 30 golos. Ainda mais impressionante é o registo nas últimas partidas, tendo este sido o quinto hat-trick consecutivo conseguido no espaço de duas semanas.

A 19 de Março, frente ao “seu” Braga e com uma vitória expressiva dos Dragões por 9-2, Hélder Nunes apontou “apenas” um golo. Foi a última vez que não assinou um “hat-trick”.

Primeiro foi ao serviço da Selecção Nacional, na Taça Latina, com hat-tricks a Itália, Espanha e França. De regresso às cores do Porto voltou a fazer o “truque do chapéu” para a Liga Europeia, ainda que o desfecho acabasse por sorrir à Oliveirense. Agora para o Campeonato Nacional, a “vítima” foi o Sporting.

Oliveirense de “mão cheia” em Braga

No encalço do Porto continua a Oliveirense. Em Braga, a equipa orientada por Tó Neves venceu os bracarenses por claros 0-5, com golos de Albert Casanovas, Ricardo Barreiros e Carlos López. O catalão marcou por uma vez, ao passo que o português e o argentino bisaram.

Na próxima jornada, o Porto recebe o Barcelos e a Oliveirense recebe o Sporting, em dois jogos que prometem muito e que serão importantes na luta pelos segundo e quarto lugares.



Veja esta e outras noticias em: HoqueiPT

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...