Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

AD Sanjoanense: SANJOANENSE SURPREENDE BARCELOS

AD Sanjoanense: SANJOANENSE SURPREENDE BARCELOS
A Sanjoanense foi ontem a surpresa da 15.ª jornada ao vencer no reduto do ‘Rei’. O bis de Ventura não chegou para o hat trick de Gil Vicente – os ’galos’ conheceram uma verdadeira ‘barca do inferno’, com o camisola 27 dos alvinegros a apontar, na segunda

A Sanjoanense foi ontem a surpresa da 15.ª jornada ao vencer no reduto do ‘Rei’. O bis de Ventura não chegou para o hat trick de Gil Vicente – os ’galos’ conheceram uma verdadeira ‘barca do inferno’, com o camisola 27 dos alvinegros a apontar, na segunda parte, três golos em pouco mais de três minutos.

Os comandados do Vítor Pereira entraram melhor na partida, com as contas a abrirem logo nos minutos iniciais por intermédio de Chico Barreira (3’). Os anfitriões só responderiam aos 23, com o resultado a ir no 1-1 para intervalo após golo de Ventura.

A segunda parte começou ao contrário, com um golo madrugador mas a entrar na soma dos locais. João Guimarães, aos 26 minutos, levou a sua equipa para a frente, mas Barreira recolocou o nulo no marcador rubricando o 2-2 à passagem da meia hora. Aos 34 minutos, Gil Vicente inicia o seu ‘auto’ e aponta o 2-3, mas aos 36 os forasteiros atingem as 10 faltas e Ventura não perdoa na cobrança do livre direto.

No mesmo minuto Hugo Costa faz o 4-3 para os da casa, com a resposta a surgir por Gil Vicente e em dose dupla. Fez dois golos com o relógio a contar 37 minutos jogados, um dos quais na conversão do livre da 10.ª falta de equipa local.

Com as emoções ao rubro em Barcelos, os comandados de Paulo Freitas empataram também aos doze da segunda metade.

Com o tempo a escoar-se e com as equipas a evitarem atingir a 15.ª falta, a Sanjoanense acabou por ser cometê-la a 46 segundos do fim. Reinaldo Ventura desperdiçou o livre direto e, para gáudio dos adeptos de S. João da Madeira, Pedro Cerqueira atira para o 5-6 a 30’’ do final.

O Barcelos voltou a dispor de uma soberana oportunidade para pelo menos segurar o ponto, mas Luís Querido não conseguiu capitalizar a grande penalidade que foi chamado a cobrar a 13’’ do apito.

Um resultado importantíssimo que tira a Sanjoanense da zona de despromoção, guindando-a ao 12.º lugar (12 pontos), à frente do Braga (11), do Física (10), do Candelária (9) e do Cambra (5).

OC Barcelos: Ricardo Silva; Pedro Mendes (1), Reinaldo “Rei” Ventura (2), Luís Querido, Hugo Costa (1). Suplentes: Zé Pedro, Pedro Silva, João Guimarães (1), Afonso Pereira e Ginho.

Sanjoanense: Marco Lopes; Pedro Cerqueira (1), Tiago Ferraz, Gil Vicente (3) e Chico Barreira (2). Suplentes: Filipe Sousa, Alex Mount, João Oliveira, Afonso Santos e David Nogueira.

Fonte: Cidades.com.pt



Fonte: ADS

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...