Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

Benfica vence dérbi de muitas cautelas

Benfica vence dérbi de muitas cautelas
O Benfica venceu este sábado o dérbi da capital com o Sporting por 1-3. No Livramento, as condições atmosféricas cedo se fizeram sentir no piso. Apesa...

O Benfica venceu este sábado o dérbi da capital com o Sporting por 1-3.

No Livramento, as condições atmosféricas cedo se fizeram sentir no piso. Apesar do Sporting procurar acautelar a questão com um sistema de desumidificação de dimensões impressionantes e de à entrada das equipas para aquecimento o piso aparentar boas condições, não tardaram a surgir as primeiras zonas com humidade. E tal marcou toda a partida, obrigando a um ritmo baixo e a inúmeras interrupções.

João Rodrigues, ainda a recuperar de lesão, esteve nos eleitos de Pedro Nunes tal como acontecera no jogo frente ao FC Porto. Mais do que opção para jogar, terá sido uma questão de “grupo”.

Entrou mais “dominador” o Sporting. Ainda que de forma consentida, os leões tinham mais posse de bola e rematavam muito, em particular por Ricardo Figueira que surgiu no cinco face à ausência de Estebán Abalos, castigado. Mas o acerto táctico dos encarnados só permitia remates de muito longe, que acabavam por ser de defesa fácil para um Trabal sempre muito concentrado.

As interrupções na partida levaram a diversas conferências com os capitães das duas equipas

E os encarnados, no seu hóquei de regra e esquadro, chegaram mesmo á vantagem, aos 11 minutos com um golo da autoria de Jordi Adroher a responder da melhor maneira . E ao intervalo já venciam por dois golos, com Diogo Rafael, num remate forte e cruzado na sequência de um livre indirecto, a assinar o segundo a pouco mais de três minutos do descanso.

Na etapa complementar, o Sporting conseguiu acercar-se com mais perigo da baliza à guarda de Trabal que mantinha uma exibição imaculada perante o assédio em particular de Cacau e João Pinto. Aos nove minutos, os leões dispuseram de uma soberana oportunidade, de grande penalidade. Mas, mais uma vez, o guarda-redes catalão levou a melhor. “Vingou-se” três minutos depois o português Ângelo Girão, ao negar, também numa grande penalidade, o golo ao catalão Marc Torra. Na recarga, o guarda-redes da Selecção Nacional deixou Adroher de boca aberta ao negar-lhe um golo quase certo.

Trabal defende grande penalidade de Luís Viana

A positividade leonina em busca do golo acabaria por ser recompensada a oito minutos do final, com Cacau a reduzir para 1-2. E o jogo mudou definitivamente de cariz. Ficou mais aberto. Mas também anárquico e precipitado. O Sporting arriscou em busca do empate e o Benfica arriscou com saídas mais rápidas para o ataque. As quedas devido ao estado do piso sucediam-se de um e de outro lado.

A três minutos do final, Adroher fez o 1-3 e “matou” o jogo, ao meter a bola no “buraco da agulha”.

Jordi Adroher aponta o 1-3

Após o final da partida, Pedro Nunes realçou um jogo disputado, em que os intervenientes mereciam melhores condições. O treinador do Benfica alertou mesmo para os riscos de jogar numa pista com as condições que se verificaram.

O técnico do Sporting sublinhou que nenhuma das equipas quis arriscar muito durante grande parte do jogo e que o primeiro golo seria sempre muito importante. Desvalorizando as questões relacionadas com o piso levantadas por Pedro Nunes, o técnico considerou o resultado “normal”, lamentando a ausência de Estebán Abalos.

Para lá das criticas ao estado do piso e da celeuma gerada, antes do jogo, com a decisão leonina de não ceder entradas aos adeptos encarnados, este foi um dérbi tranquilo. Sem críticas de maior à dupla de arbitragem, sem qualquer das equipas chegar às 10 faltas, sem cartões e sem quezílias de maior entre os jogadores, existindo muitas conversas amigáveis e informais à margem do jogo nas diferentes paragens.

Com esta vitória, o Benfica aumenta à condição para 10 pontos a vantagem sobre o Porto, que só joga este domingo, em Turquel. O Sporting mantém o quinto lugar mas a Oliveirense venceu em Torres Vedras (3-4) e “descolou”, cifrando-se agora a diferença entre quinto e quarto classificados em quatro pontos.

I Concurso Fotográfico Mareamarilla

O HóqueiPT está entre os finalistas do I Concurso Fotográfico Mareamarilla. Contamos com o seu voto? Faça um "like"/"gosto" abaixo, na nossa foto a concurso.

(function (d, s, id) { var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0]; if (d.getElementById(id)) return; js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = "//connect.facebook.net/pt_PT/sdk.js#xfbml=1&version=v2.3"; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs); }(document, 'script', 'facebook-jssdk'));

"Así es el hockey patines...dejar todo lo que tienes en pista".Autor: José Alves.Lugar: Valongo, Portugal

Publicado por Marea Amarilla hockey hoquei em Quarta-feira, 2 de Março de 2016

Jogos relacionados

Sporting CP 1 : 3 13 Fev 16h00 SL Benfica


Veja esta e outras noticias em: HoqueiPT

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...