Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

Viana vence dérbi à moda do Minho

Viana vence dérbi à moda do Minho
A Juventude de Viana venceu em Braga por 4-5 e isolou-se no sexto lugar do Nacional da I Divisão. Separados por três pontos, Hóquei Clube de Braga e A...

A Juventude de Viana venceu em Braga por 4-5 e isolou-se no sexto lugar do Nacional da I Divisão.

Separados por três pontos, Hóquei Clube de Braga e Associação Juventude de Viana defrontaram-se este sábado num dérbi minhoto que dentro de rinque foi emotivo mas sem cartões, mas terminou com os ânimos exaltados já para lá das tabelas.

Diogo Fernandes restabeleceu a igualdade na primeira parte

O Braga inaugurou o marcador com pouco mais de seis minutos decorridos por intermédio de Rodrigo Sousa, respondendo a Juventude de Viana com um golo de Diogo Fernandes a restabelecer a igualdade três minutos depois. A primeira parte seria pautada pelo equilíbrio, com o guarda-redes bracarense Diogo Almeida a passar por mais apuros, e seria com um equilíbrio nos números do marcador que se chegaria ao intervalo.

Para a segunda parte estavam reservadas mais emoções. E golos. Entrou melhor a Juventude de Viana que, por André Azevedo e Gonçalo Suissas chegou a uma vantagem de 1-3. Com um livre directo – 10ª falta – desperdiçado por Tiago Barbosa pelo meio dos dois golos vianenses, a decisão do vencedor da partida parecia arrumada a quinze minutos do apito final. Mas, com o jovem Gonçalo Meira Pereira em pista e a dar um “safanão” no ritmo de jogo com uma velocidade frenética, o Braga reagiu e restabeleceu a igualdade em dois minutos e meio. Meira fez o 2-3 e Pedro Delgado (“Bekas”) apontou o 3-3.

Gonçalo Meira trouxe outra vivacidade ao jogo

O Braga crescia e Pedro Sampaio foi obrigado a pedir um desconto de tempo para segurar a partida e, em particular, abrandar o ritmo ao jovem Gonçalo Meira. Nos vianenses, entraria o “pouco menos jovem” Gustavo Lima e também ele foi decisivo, assinando o 3-4 a cerca de sete minutos do derradeiro apito.

Vítor Silva e o Braga nunca deixaram de procurar o empate que, por lapso da mesa, já se registava no marcador. Tal, como confessaria o técnico bracarense no final, teve efeitos no subconsciente dos seus jogadores que, ainda assim, atacaram. E arriscaram.

Bekas empatou a três, antes dos vianenses fugirem decisivamente

Á entrada do último minuto, Bekas tentou “cavar” a 15ª falta do adversário mas o tiro saiu pela culatra e a simulação resultou na 10ª da sua equipa. Tó Silva não perdoou e fez o 3-5 que trouxe tranquilidade… por escassos segundos. Gonçalo Meira, a 57 segundos do fim, reduziu novamente para a diferença mínima.

Os bracarenses continuaram a insistir na frente e, já depois de Bekas se poder legitimamente queixar de uma cotovelada de André Azevedo longe da bola (e dentro da grande área), caiu a 15ª falta da Juventude de Viana. Chamado à marca de livre directo com 15 segundos para jogar, Ruben Sousa não conseguiu bater Jorge Correia e os vianenses seguraram a preciosa vantagem até final.

Tó Silva fez o quinto da Juventude de Viana

Já após o apito final, os ânimos exaltaram-se ainda em pista mas foi no acesso aos balneários que acabaram por “descambar”, fruto de uma partida emotiva condimentada com muitos erros na mesa, quer na marcha do tempo de jogo, na contagem de faltas e até no assinalar de golos no marcador. Sem influência directa no resultado final mas a “mexer” com jogadores e equipa técnica.

Na reacção ao jogo, Vítor Silva condenou a vantagem dada ao Viana no arranque da segunda parte e deixou um aviso aos jogadores seniores com a aposta no júnior Gonçalo Meira, recordando que para si a idade não é um posto. Recordem-se as apostas precoces em Hélder Nunes ou Miguel Vieira…

Pedro Sampaio estava satisfeito com os três pontos conquistados pela sua equipa, lamentando apenas as cenas ocorridas no final, a transvazarem o plano desportivo e, em particular, de um dérbi.

Na próxima jornada, o Braga desloca-se a Vale de Cambra, ao passo que o Viana recebe o Sporting. Pelo meio, os vianenses têm uma deslocação à Áustria para a segunda mão da primeira eliminatória da Taça CERS.



Veja esta e outras noticias em: HoqueiPT

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...