Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

OC Barcelos fora da final da Taça de Portugal

OC Barcelos fora da final da Taça de Portugal
O OC Barcelos voltou uma vez mais a "obrigar " o Benfica a trabalhos de carga elevada para que o novo campeão nacional garanti-se a presença na final....


O OC Barcelos voltou uma vez mais a "obrigar " o Benfica a trabalhos de carga elevada para que o novo campeão nacional garanti-se a presença na final.
A turma de Pedro Nunes venceu por 3-2.


Num pavilhão a "arder" por todos os lados, o OC Barcelos não se atormentou por defrontar o campeão nacional e acabou mesmo por ser o primeiro a marcar aos 5' por Luís Querido de grande penalidade por infracção cometida por Valter Neves.
A vantagem durou apenas quatro minutos altura em que João Rodrigues fez o empate.
O empate não abrandou o ritmo de jogo com as duas equipas a procurarem o golo, situação que obrigou os dois guarda redes a mostrarem serviço de grande qualidade.
Neste capitulo e especialmente Ricardo Silva mostrou que merecia ser convocado para a selecção nacional

Ate ao intervalo o Benfica com Nicolia já em ringue tentou desfazer o empate mas foram do Barcelos as melhores oportunidades de golo.
Em termos de faltas o descanso chegou com o Barcelos a soma nove contra sete do Benfica.
Na segunda parte o OC Barcelos "cheirou" o golo aos 3 por Pedro Mendes com a bola a bater no poste. No lance seguinte Joca Guimarães deu vantagem aos minhotos.
Reagiu o Benfica mas Ricardo Silva enorme defendeu um livre direto de Carlos Nicolia a penalizar a décima falta do Barcelos aos 6'.
Aos 8' novo empate agora por intermédio de Tiago Rafael que na recarga a um remate seu, conseguiu surpreender Ricardo Silva.
Sempre em ritmo alucinante o OC Barcelos beneficiou de um livre direto aos 15' a penalizar a décima falta dos encarnados mas Luís Querido falhou.
O Benfica acabou por se colocar pela primeira vez em vantagem aos 19' por João Rodrigues.
Aos 22' Miguel Vieira em contra ataque, teve após aparecer isolado diante o guarda redes encarnado soberana oportunidade para empatar.
O Benfica podia ter acaba com as duvidas em relação ao vencedor mais cedo mas Ricardo Silva enorme defendeu um livre direto de Carlos Nicolia.

Fonte: Hóquei Minhoto

Comentários

Notícias lidas no momento

A carregar...