Mundo Do Hoquei - Portal informativo de Hoquei em Patins

Tó Neves «Férias? Não tenho férias»

Tó Neves «Férias? Não tenho férias»
Tó Neves inicia, aos 45 anos, novo ciclo no FC Porto, clube que representou durante 28 anos. Depois de terminar a carreira de jogador, coroada com a conquista da Taça de Portugal, está já focado na próxima época. «Férias? Não tenho férias»

Tó Neves inicia, aos 45 anos, novo ciclo no FC Porto, clube que representou durante 28 anos. Depois de terminar a carreira de jogador, coroada com a conquista da Taça de Portugal, está já focado na próxima época. «Férias? Não tenho férias», referiu o novo treinador dos dragões, entre sorrisos, antes do início da entrevista, demonstrando que dedica 24 horas por dia ao Hóquei em Patins. 


- Treinar o FC Porto é a concretização de um sonho?
- Mais do que isso, voltar a uma das melhores equipas do mundo era um objectivo. Além disso, o FC Porto é o meu clube, que representei durante 28 anos anos. A responsabilidade será maior.
 
- Qual é a duração do contrato?
- Só quero servir o clube enquanto tiver forças. Ficarei enquanto as pessoas se sentirem satisfeitas comigo.

- Pensa que o FC Porto pode repetir mais dez anos consecutivos como campeão nacional?
- Houve um desafio e eu aceitei, sem pensar no legado que tinha, senão não viria para aqui. Ganhar durante dez anos foi algo que nunca foi pensado pelos jogadores no início deste ciclo.

- É um treinador já com provas dadas. Sente-se preparado para treinar uma equipa como o FC Porto?
- Tenho 45 anos e vou aprender até morrer. Mesmo no último jogo da carreira, continuei a aprender. Não tenho ideias fixas, gosto de estar actualizado e de evoluir.

- O que esperas das contratações de Nélson Pereira, Tiago Santos e do Caio?
- O Nélson Pereira é um jogador com margem de progressão, o Tiago é um hoquista com muito qualidade e está num grande clube para evoluir e o Caio regressa a casa, depois de ter sido campeão no FC Porto. É um jogador com carácter.

- Como será treinar antigos companheiros, como Reinaldo Ventura, Filipe Santos ou Edo Bosch?
- Irei treiná-los, pela primeira vez, no FC Porto, mas já orientei antigos companheiros, como Vítor Fortunato, Paulo Alves ou o Guilherme Silva. Vou treinar com seriedade, sem olhar a nomes, porque só os que estiverem melhor jogarão todas as semanas.

- Gostaria de treinar a Selecção Nacional ou experimentar os principais campeonatos europeus?
- Treinar a Selecção Nacional é como treinar o FC Porto, mas não penso nisso, nem tenho estatuto para tal. Contudo, o Franklim Pais podia ter trabalhado no FC Porto e na Selecção ao mesmo tempo, porque é o treinador que mais ganha, tal como o Carlos Dantas nos tempos do Benfica, e como aconteceu com o Cristiano Pereira ou o António Livramento.

- Que opinião tem sobre Franklim Pais?
- Foi meu colega, treinador e adversário. Vivemos muitas coisas juntos e julgo que continuará a trabalhar no FC Porto.


(Fonte: FPP)

Comentários

  • Miguel G. Pereira: Tó Neves sempre ao seu melhor nível,até nesta entrevista. Parabéns Tó e felicidades, menos nos jogos cá com a UDO.

Notícias lidas no momento

A carregar...